TERRAS DE PENALVA ONDE «A LIBERDADE É A COMPREENSÃO DA NECESSIDADE»

Segunda-feira, 3 de Agosto de 2015
Socorro!!! Tirem-me deste filme!!!

Paula Teixeira da Cruz_caricatura

Desenho de Fernando Campos (o sítio dos desenhos)

 

«No n.º 2 do artigo 57.º, além de se deixar absolutamente claro o caráter jurídico dos vínculos resultantes da contratação de acordos endoprocedimentais, configura-se uma possível projeção participativa procedimental da contradição de pretensões de particulares nas relações jurídico-administrativas multipolares ou poligonais.»

In ponto 7 do preâmbulo do novo Código do Procedimento Administrativo

 

Eu, justiçoanalfabeto me confesso: não percebi patavina, pêvea, nada...

 


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 16:07
link do post | comentar | favorito
|

Domingo, 28 de Dezembro de 2014
Aos meus amigos

Aos meus amigos

adaptado de um e-mail enviado pelo Cid

 

Um pouco de humor...

 


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 06:41
link do post | comentar | favorito
|

Segunda-feira, 6 de Outubro de 2014
Neste blog também não há «Diz ques»

Expressões Populares

Desenho de Fernando Campos (o sítio dos desenhos)

 

 


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 07:09
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 18 de Outubro de 2013
O que eu aprendo (de vez em quando...)

-

Graças a uma série televisiva, «Os Tudor», já tinha aprendido que uma princesa desta dinastia inglesa se tinha casado com o nosso rei D. Manuel I, que andava sempre descalço e que tinha morrido assassinado pela dita cuja.

Esta quarta-feira à noite levei com uma lição de geografia que me deixou à beira das lágrimas de tanto rir.

Em «Apanha-me se puderes», da FOX,  Cabo Verde é apresentado como um arquipélago africano com uma ilha chamada Santa Maria (???), onde um mafioso americano tem todas as autoridades subornadas e por isso serve de refúgio a criminosos de todo o mundo (sem tratado de extradição).

Mas mais. A população é toda branca, assim a atirar para o morenaço, com traços ameríndios e falam castelhano. Negros nem vê-los...

Além disso a autoridade máxima é um sheriff (sic).

-

Só visto. Contado ninguém acredita. Valeu pelo desopilanço...

-


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 11:52
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Sexta-feira, 9 de Agosto de 2013
Os Swapranos

Os Swapranos é uma swap opera portuguesa que está no ar há dezenas de anos. Uma swap opera, muitas vezes referida apenas por swap, é uma série dramática durante a qual se desenrolam muitas estórias, relacionadas entre si, contando a vida de múltiplas personagens. As estórias dessas séries tratam essencialmente das relações emocionais, chegando ao melodrama. O nome de swap opera vem do facto de muitos dos patrocinadores e produtores serem instituições bancárias e financeiras tais como: Citigroup, BPN, BPP, etc.

Muitos actores famosos têm feito parte do seu elenco ao longo dos anos:

-

-

adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

-


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 08:52
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Domingo, 9 de Setembro de 2012
Humor Indignado

Ferran

-


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:35
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Quarta-feira, 23 de Maio de 2012
Coiso e tal

-

Gostava de ter escrito ISTO:

O desemprego é o coiso. Os desempregados andam a coisar. É natural que se sintam fodidos. Os desempregados coisam nos Centros de Emprego. Não admira que os Centros de Emprego tenham má fama. Claro que passar o tempo a coisar também cansa. E, por isso, muitos desempregados acabam por deixar de procurar emprego. Já não coisam. São os inactivos. Outros, todavia, insistem. São os desempregados Viagra. O coiso deles é de longa duração. Quando os desempregados arranjam emprego, deixam de coisar. Fala-se nesse caso de coiso interruptus. O coiso interruptus pode ser provocado por políticas activas de emprego. Trata-se de métodos contracoisivos pouco eficazes. As coisas são o que são. E, mais tarde ou mais cedo, os desempregados voltam a coisar. Normalmente, os políticos não têm coisos de grande dimensão. O coiso dos políticos, quando ocorre, é um coisinho. Há logo um conhecimento ou uma influência que se move para os políticos deixarem de coisar. Apesar disso, os políticos gostam de falar do coiso. É o coisilingus. Alguns políticos pensam que podem influenciar a dimensão do coiso. Ou a penetração do coiso em determinados estratos populacionais ou regiões. Entusiasmados, os políticos vão mexendo no coiso. Tiram disso grande satisfação pessoal. Mas não provocam qualquer benefício a terceiros. Chama-se masturbação. Historicamente, as populações com menos instrução coisavam mais. Agora, os mais instruídos também coisam muito. E os jovens cada vez coisam mais. Em rigor, o coiso devia escrever-se com maiúscula para abranger ambos os géneros. Ou então dizer-se que os homens têm coiso e as mulheres têm coisa. O coiso e a coisa são diferentes. Em regra, a coisa é mais prolongada e pode repetir-se em períodos mais curtos de tempo. Periodicamente, são publicados os números do coiso. Sempre que o coiso aumenta (aqui deveria ter, naturalmente, utilizado maiúscula), gera-se grande agitação. Toda a gente quer ver o tamanho do coiso. E comentar o seu crescimento, embora ninguém tenha solução. No fundo, os comentadores nem coisam nem saem de cima. Em determinada altura, a análise sociológica reflectiu sobre o emprego. Marx teorizou sobre a coisificação do trabalho. Só no século XXI foi dado um salto qualitativo. Álvaro Santos Pereira coisificou o desemprego. Passos Coelho desenvolveu a utopia da oportunidade. Tal como o próprio Marx previra, a história repetiu-se. Como farsa.

-


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:09
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Segunda-feira, 30 de Abril de 2012
Azar do Rei: a prótese era Republicana!

-

Estava o Rei reunido com um grande democrata (estava a receber um cheque...) e, pensando que a prótese era uma espécie de "criada" do Palácio que lhe devia obediência, faz um movimento que não devia e zás! Numa atitude escandalosamente republicana a prótese saiu do lugar.

Coitado! O que sofre um monarca!

«Fuentes de la Casa del Rey consultadas por Efe precisaron que el jefe del Estado sufrió la luxación a consecuencia de un mal movimiento después de una reunión en el Palacio de la Zarzuela con el ministro emiratí de Asuntos Exteriores, jeque Abdullah bin Zayed al Nahyan.»

-

Ler, neste blogue, sobre este rapaz:

adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

-


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 14:14
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Sexta-feira, 20 de Abril de 2012
Portugal vai regressar aos mercados internacionais em Setembro de 2013 (???...)

-

Em Portugal, cerca das 09:20, os juros da dívida soberana portuguesa a dois anos desciam para os 9,810 por cento (dos 9,967 por cento de quinta-feira), enquanto a cinco anos aliviavam para os 13,486 por cento (dos 13,553 por cento).

-

Recorde-se que Portugal pagou a 16 de Março de 2011 (1 mês antes do «empréstimo» da tróika estrangeira!) uma taxa de 4,33%. E que Teixeira dos Santos afirmou em Outubro de 2010 que 7 por cento era um limiar incomportável para o País.

Escreveu esta semana Pedro Passos Coelho: «Portugal vai provar que os cépticos estão enganados».

Está-se mesmo a ver...

-


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 16:22
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Quinta-feira, 18 de Agosto de 2011
Warren Buffett

Bartoon, jornal «Público» - Edição de 17 de Agosto de 2011

-

-


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 00:02
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Segunda-feira, 31 de Janeiro de 2011
Os carburantes em máximos históricos

El coche de S. Fernando, desenho de Juan Carlos Contreras

-

- Também quer que encha o depósito?

-

Nota: O título El coche de S. Fernando refere-se ao dito castelhano "O carro de S. Fernando, uma vezes a pé, outras andando".

-

Publicado neste blog:

adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

_


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:03
link do post | comentar | favorito
|

Quarta-feira, 19 de Janeiro de 2011
Na Andaluzia como em Portugal: Agricultores VIP

Agricultores VIP, desenho de Juan Carlos Contreras

-

51 milhões das ajudas destinadas à agricultura de Jaén vão parar às mãos de latifundiários que não vivem em Jaén...

-

- Fermín? Sim, já podes vir buscar-me que já cobrei as subvenções que, como agricultor, me deram por essas bolinhas que essas curiosas arvorezinhas, que comprei em Jaén, produzem...

-

Publicado neste blog:

adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

_


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:07
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Segunda-feira, 6 de Dezembro de 2010
Sacrifício...

Apretarse el cinturón, hacer los deberes, bla, bla, bla…”, Eneko, CIUDAD FUTURA

-

Para Ler (em CIUDAD FUTURA):

adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

_


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:08
link do post | comentar | favorito
|

Segunda-feira, 1 de Novembro de 2010
A «crise»: os que ganham e os que perdem

Los efectos de la crisis, (Territorio Vergara)

-

FRACTURA SOCIAL!

- Para mim, estar em crise significa ganhar menos, enquanto que sair da crise significa ganhar mais.

- Para mim, estar em crise significa perder mais, enquanto que sair da crise significa perder menos.

-

Publicado neste blog:
adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

_


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:08
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Sábado, 30 de Outubro de 2010
As operações nos hospitais andaluzes...

Facturas sombra, desenho de Juan Carlos Contreras

-

Os hospitais andaluzes passarão a informar os seus pacientes do custo real das suas intervenções.

- A operação ao coração foi um êxito, mas ao ver a factura do que custou...

-

Para Ler:

adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

_


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:03
link do post | comentar | favorito
|

Segunda-feira, 25 de Outubro de 2010
Sobre certos jornalistas que se dedicam a «informar com rigor e isenção» e a sua relação com o Poder...

Haciendo pasillo, (JRMora, Humor Grafico)

-

- Não, homem, não... Não é necessário o teu curriculum... com os anos que já tens de trabalho para o nosso partido nesse teu jornal...

-

adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

_


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:03
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 22 de Outubro de 2010
Os banqueiros suiços e uma lei contra criminosos

Chantal, Desenho de Large

-

- Banqueiro Suiço: Chantal, tenho uma dúvida... Veja aí a minha árvore genealógica...

-

adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

_


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:04
link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 14 de Outubro de 2010
Fome...

Desenho de Martirena, publicado em diario siglo xxi, 3 de Outubro de 2010

-

- Eras capaz de comer um salmão geneticamente modificado?

- Com esta situação eu era capaz de comer até o geneticista que o tivesse modificado...

-

Publicado neste blog:
adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

_


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:01
link do post | comentar | favorito
|

Quarta-feira, 13 de Outubro de 2010
Código do Trabalho / PEC's: A fractura entre o Governo e as pessoas

Tan lejos, Desenho de Manel Fontdevila

-

- A Reforma Laboral já está feita - não foi fácil, mas conseguimo-lo... ainda que... deixem-me que vos aponte um novo desafio apaixonante: a Reforma das Pensões...

- Que diz o primeiro-ministro?

- Sei lá... Já se afastou tanto de nós que não se ouve nada...

-

Publicado neste blog:
adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

_


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:08
link do post | comentar | favorito
|

Sábado, 25 de Setembro de 2010
Código do Trabalho / PEC: A queima de textos sagrados

La Quema de Textos Sagrados, Padylla

-

A «queima» dos Direitos dos Trabalhadores

-

adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

_


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:10
link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 23 de Setembro de 2010
O que aumentou a esperança de vida foram os direitos sociais...

C'est la fin finale, Desenho de Large

-
- É preciso adiantar a idade da reforma porque a esperança de vida aumentou...
- Foi a reforma aos 60 anos que aumentou a esperança de vida!
- Precisamente...
-

«O actual governo, operando diligentemente estas orientações, pretende, no seu programa, «garantir a sustentabilidade e a justiça do sistema de Segurança Social», com o fundamento do aumento da esperança de vida, dizendo que o caminho é o do «envelhecimento activo», favorecido pela «permanência dos trabalhadores mais idosos nos seus postos de trabalho» e «minimizando os custos para a comunidade da antecipação da idade da reforma». Mas a realidade é que, apesar do aumento da esperança de vida, o tempo de vida que os trabalhadores terão para usufruírem do direito à reforma, que construíram de facto com as suas contribuições e com a mais valia do seu trabalho, será reduzido se aumentar a idade mínima da reforma, também pelo efeito que o desgaste pelo trabalho implica para a saúde, e portanto na própria esperança de vida dos trabalhadores, nomeadamente em profissões com penosidade.»

-

adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

_


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:06
link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 21 de Setembro de 2010
Código do Trabalho / PEC: O Governo «reforma» o mercado de trabalho...

Reforma del mercado laboral,(Jaume Capdevila) KAP

-

adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

_


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:10
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 17 de Setembro de 2010
Os elevados padrões morais dos EUA em matéria de direitos humanos

United States high moral grounds on human rights, Desenho de Carlos Latuff

-

Padrões morais...

Algures no Afeganistão...

- Sabes que eles apedrejam pessoas até à morte no Irão?!

- Sim! Eu vi isso na Fox News!

- Aqueles iranianos são bárbaros!

-

adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

_


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:07
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Terça-feira, 14 de Setembro de 2010
De volta à escola...

Vuelta al cole,(Jaume Capdevila) KAP

-

- Neste curso temos um "Magalhães" para cada aluno!

- Que pena que no barracão em que temos aulas não haja sequer uma tomada de corrente...

-

adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

_


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:04
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|

Domingo, 12 de Setembro de 2010
E Borges não tinha facebook?

Allan Mcdonald, Rebelión de 7 de Setembro de 2010

-

- Borges metia todo o universo num parágrafo.

- E não tinha facebook?

Este desenho pode referir-se ao primeiro parágrafo do seguinte conto:

adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge
-

sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:07
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 10 de Setembro de 2010
O desenhador cubano Tomy despediu-se. Obrigado, Tomy!

Hasta la victoria siempre Tomy, Rebelión de 8 de Setembro

«La caricatura cubana está de luto. Ayer perdió a uno de sus grandes, Tomás Rodríguez Zayas, uno de los más relevantes humoristas gráficos. Tomy, nombre artístico que lo identificaba, falleció en esta capital a los 61 años, víctima de una afección cardiovascular.»

Tomy , Rebelión de 8 de Setembro
-

Tio Sam: Vamos tratar de desestabilizar Cuba para para outro sitio!

A Tomy X Martirena, Desenho-homenagem de Martirena

Publicado neste blog:

adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

_


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:12
link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 9 de Setembro de 2010
A tragédia do México (II)

Pedro Méndez Suárez,Rebelión de 2 de Setembro

Para Ler:


Publicado neste blog:

adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

_


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:03
link do post | comentar | favorito
|

Quarta-feira, 8 de Setembro de 2010
A tragédia do México (I)

Banho de sangue no México, Martirena, Rebelión de 4 de Setembro

Para Ler:

Publicado neste blog:

adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

_


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:00
link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 7 de Setembro de 2010
Recomeçou a Liga de Futebol!

La anestesia, Padylla

-

Murmura o espanhol acamado: crise... despedimentos... desemprego...

Diz o médico: Rápido! Traga a anestesia! O espanhol está a acordar!

-

adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

_


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:54
link do post | comentar | favorito
|

Sábado, 4 de Setembro de 2010
O México, os EUA e o narcotráfico

Mexico, karrycartoons

-

Para Ler, Ver e Ouvir:

90% das armas dos carteis da droga do México vêm dos EUA. Reportagem da CBS "60 minutes" a partir dos 5 minutos:

«Drug-cartel fueled violence has turned into a war in Mexico, with thousands of deaths and the government battling well-armed gangs whose military-quality weapons come mostly from U.S. dealers. CNN's Anderson Cooper reports

adaptado de um e-mail enviado pelo Jorge

_


sinto-me:

publicado por António Vilarigues às 12:00
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24

26
27
28
29
30


posts recentes

Socorro!!! Tirem-me deste...

Aos meus amigos

Neste blog também não há ...

O que eu aprendo (de vez ...

Os Swapranos

Humor Indignado

Coiso e tal

Azar do Rei: a prótese er...

Portugal vai regressar ao...

Warren Buffett

Os carburantes em máximos...

Na Andaluzia como em Port...

Sacrifício...

A «crise»: os que ganham ...

As operações nos hospitai...

arquivos
tags

álvaro cunhal

assembleia da república

autarquia

avante!

bce

benfica

blog

blogs

câmara municipal

capitalismo

caricatura

cartoon

castendo

cds

cdu

cgtp

cgtp-in

classes

comunicação social

comunismo

comunista

crise

crise do sistema capitalista

cultura

cultural

democracia

desemprego

desenvolvimento

desporto

dialéctica

economia

economista

eleições

emprego

empresas

engels

eua

eugénio rosa

exploração

fascismo

fmi

futebol

governo

governo psd/cds

grupos económicos e financeiros

guerra

história

humor

imagens

imperialismo

impostos

jerónimo de sousa

jornal

josé sócrates

lénine

liberdade

liga

lucros

luta

manifestação

marx

marxismo-leninismo

música

notícias

parlamento europeu

partido comunista português

paz

pcp

penalva do castelo

pensões

poema

poesia

poeta

política

portugal

precariedade

ps

psd

recessão

revolução

revolucionária

revolucionário

rir

salários

saúde

segurança social

sexo

sistema

slb

socialismo

socialista

sociedade

sons

trabalhadores

trabalho

troika

união europeia

vídeos

viseu

vitória

todas as tags

LIGAÇÕES A CASTENDO
Visitantes
eXTReMe Tracker
Google Analytics
blogs SAPO
subscrever feeds