Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O CASTENDO

TERRAS DE PENALVA ONDE «A LIBERDADE É A COMPREENSÃO DA NECESSIDADE»

O CASTENDO

TERRAS DE PENALVA ONDE «A LIBERDADE É A COMPREENSÃO DA NECESSIDADE»

Judo: Europeus - Telma Monteiro conquista prata em -57 kg

 

A judoca portuguesa Telma Monteiro sagrou-se hoje vice-campeã da Europa de -57 kg, em Istambul, perdendo a final frente à austríaca Sabrina Filzmoser ao ser penalizada com um castigo.

O segundo lugar dá a Telma Monteiro a sétima medalha em outros tantos Europeus desde 2004, primeiro na categoria de -52 kg e depois em -57 kg.

No cômputo geral em provas continentais, a atleta do Benfica conquistou três medalhas de ouro, uma de prata e três de bronze.

 

Depois de se ter sagrado vice-campeã europeia de judo na categoria de -57 kg, a atleta do Benfica, Telma Monteiro, explicou, em declarações à Benfica TV, que perdeu a final devido ao desgaste físico, embora tenha ficado contente com as suas exibições.

«Na final estava tudo muito equilibrado, estava no ponto de ouro, mas a minha adversária foi mais forte fisicamente e eu acusei algum desgaste físico. Cometi um erro que não devia ter cometido, mas já estava muito cansada», explicou Telma Monteiro, ao canal de televisão do Clube da Luz. No caminho para a final, a judoca fez bons combates e ficou satisfeita com o seu desempenho: «Os combates até à final foram muito difíceis e exigiram muito de mim fisicamente, mas felizmente fiz bom judo que era o meu objectivo e também ainda fiz novas técnicas e ganhei combates no chão, que era o meu ponto fraco

-

Parabéns à Telma Monteiro e ao seu clube, o SL Benfica

-

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

  •  
  • A

    B

    C

    D

    E

    F

    G

    H

    I

    J

    K

    L

    M

    N

    O

    P

    Q

    R

    S

    T

    U

    V

    W

    X

    Y

    Z

    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2008
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2007
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D