Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O CASTENDO

TERRAS DE PENALVA ONDE «A LIBERDADE É A COMPREENSÃO DA NECESSIDADE»

O CASTENDO

TERRAS DE PENALVA ONDE «A LIBERDADE É A COMPREENSÃO DA NECESSIDADE»

Penalva do Castelo: VI Encontro de Música Tradicional

                                                                                                                                               

Penalva do Castelo - 1º Encontro / Convívio de Bandas Musicais

    Vai decorrer em Penalva do Castelo no dia 12 Julho o 1º Encontro / Convívio de Bandas Musicais organizado pela Banda Musical e Recreativa de Penalva do Castelo.

Programa:
                                       

15h30 Chegada das Bandas Musicais
16h00 Desfile das Bandas Musicias, com início na Rua da Escola Secundária, passando pelas Ruas do Repouso e 1º de Dezembro até à Av.Castendo.
17h30 Execução de uma marcha em conjunto pelas Bandas Musicais, com a regência do Maestro Joaquim Correia Frade.
18h00 Jantar Convívio
21h00 Concerto pelas Bandas Musicais de:

  • Banda Musical e Recreativa de Penalva do Castelo
  • Banda Nagoselo do Douro
  • Banda Torreselense Estrela D´Alva

                                                                          

Escola em obras dita aulas na Junta

Texto de Teresa Cardoso

 

    As obras de remodelação na escola do 1º ciclo do ensino básico de Castelo de Penalva, que deverão prolongar-se até ao fim do segundo período, levaram os responsáveis a instalar os alunos, provisoriamente, na sede da junta de freguesia. Um espaço que não dispõe de recreio, "o que obriga as crianças a brincarem no parque de estacionamento adjacente, junto à estrada de acesso à localidade", denuncia o grupo de representantes da CDU na Assembleia de Freguesia de Real, Penalva do Castelo.
A intervenção dos eleitos comunistas é suscitada pela decisão do Ministério da Educação, tomada em concordância com a Câmara Municipal de Penalva do Castelo, de encerrar a escola do 1º ciclo da freguesia de Real, por ter apenas três alunos, mas que nesta fase de transição poderia acolher todas as crianças de Castelo de Penalva em melhores condições.
"Porque não foram deslocados para a escola da nossa freguesia até estarem terminadas as obras na escola de Castelo de Penalva?", interrogam.
Os representantes da CDU em Real afirmam concordar que as escolas com poucos alunos fechem as portas, mas discordam que "se encerre uma escola com condições, e se desloquem os alunos para outra freguesia a fim de terem aulas em instalações provisórias que não reúnem as condições necessárias".
"Os eleitos da CDU andam distraídos. Já o ano passado, a escola funcionou na Junta de Freguesia de Castelo de Penalva sem que eles tenham chamado a atenção para qualquer problema. Agora, com as obras quase prontas, não fazia sentido mudar as coisas. Além disso, levar duas dezenas de crianças para Real seria incomportável", declarou o presidente da Câmara de Penalva do Castelo, Leonídio Monteiro, que fala em razões "eleitoralistas".

(sublinhados meus)

  

In "Jornal de Notícias" - Edição de 12 de Outubro de 2007

     

Castelo de Penalva

    SESSÃO DE ESCLARECIMENTO

 

DEFENDER A FLORESTA PREVENIR OS INCÊNDIOS

 

- A Agricultura e Floresta necessitam de manutenção e limpeza.

- De um pequeno descuido uma grande tragédia.

- Os incêndios podem ser evitados.

- O lume pode ser útil ou ser um inferno.

Para estar melhor informado
Participe!

LOCAL: Castelo de Penalva - Junta de Freguesia

DIA: 04/09/2007

HORA: 20.3O

 

Entidade OrganizadoraBALFLORA – Secretariado dos Baldios do Distrito de Viseu
                                       Filiada na BALADI
A BALFLORA é uma associação de defesa, desenvolvimento e promoção dos baldios da floresta e da agricultura, por um mundo rural vivo.
Prestamos apoio aos agricultores, produtores florestais aos compartes dos baldios, tendo em conta melhorar os rendimentos das suas propriedades.

Contactos:  Telf. 232 414 812   -   Telm. 961704640   -   e-mail: balflorabaldios@gmail.com
             

Furto de centenas de metros de fios de cobre deixa populações sem telefone

Texto de José Fonseca

 

 

    O furto de várias centenas de metros de fios de cobre, na noite de sexta-feira passada, deixou sem telefone grande parte da população da freguesia de Castelo de Penalva, no município de Penalva do Castelo.
Os ladrões cortaram os cabos junto à estrada principal que liga as localidades daquela zona à sede do concelho, num espaço conhecido como Barroca do Inferno, aproveitando o facto de um pinhal ali existente permitir levar a cabo o crime longe de olhares curiosos.

Terceiro furto

Em poucos meses este é, pelo menos, o terceiro furto de fios de telefone naquela parte de Penalva do Castelo. Há cerca de 15 dias, foram os habitantes de Real que ficaram sem comunicações (telefone, Internet), depois de um roubo quase idêntico naquela freguesia. Em Maio, os serviços da Portugal Telecom (PT) também foram chamados para substituir os cabos cortados mais ou menos no mesmo sítio onde se verificou o furto da sexta-feira passada.
Laurinda e José Alves explicaram ao Diário de Viseu que este tipo de ilícito tem sido cada vez mais frequente. "Os ladrões levam os fios e depois nós temos de esperar vários dias para que venham reparar tudo", adiantou a mulher, acrescentando que a solução passa pelo uso do telemóvel.

Ninguém avisou a GNR

Contactado pelo nosso Jornal, fonte da GNR adiantou que ainda ninguém tinha avisado as autoridades daquele furto, lembrando que o facto de os militares não terem conhecimento das ocorrências torna muito difícil levar a cabo diligências no sentido de identificar os ladrões.

 

Ninguém avisou a GNR???Nem mesmo a PT a alertou???

 

In «Diário de Viseu» - Edição de 30 de Julho de 2007

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

  •  
  • A

    B

    C

    D

    E

    F

    G

    H

    I

    J

    K

    L

    M

    N

    O

    P

    Q

    R

    S

    T

    U

    V

    W

    X

    Y

    Z

    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2008
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2007
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D